Menu

Notícias

13/10/2017

Diário Matinal Coinvalores - 13 de outubro de 2017

 

Bom dia,

1Agenda econômica emenda feriado. Nessa sexta não temos indicadores esperados no mercado doméstico. No campo político, algumas novidades, que podem não agradar muito ao mercado. Mais notícias repercutindo as últimas pesquisas desfavoráveis para o prefeito de SP, João Dória, dando conta de que o DEM pode não ser uma saída para o presidenciável. Além disso, a decisão do STF de jogar a "batata-quente" Aécio Neves de volta para o Senado pode gerar ainda mais desgaste na imagem da casa, o que, próximo de um ano eleitoral, pode significar vida ainda mais dura para medidas não muito populares, como é o caso da reforma da previdência.

a

Balança comercial surpreende na China. Os dados do gigante asiático denotaram interessante resiliência em setembro, com o volume das importações crescendo 18,7% na comparação anual, acima das expectativas que apontavam para uma alta em torno de 15%. Esse desempenho se deve tanto em razão da alta no preço das commodities quanto pela demanda ainda robusta. Já as exportações ficaram um pouco aquém das estimativas, mas ainda assim registram avanço anual de 8,1%.
   
Inflação sem surpresas na Alemanha. O índice de preços ao consumidor alemão avançou 1,8% em setembro, frente ao mesmo período de 2016, confirmando a prévia divulgada dias atrás. Energia e alimentos foram os dois principais propulsores desse resultado, com alta de 2,7% e 3,6% respectivamente. Já na comparação com agosto, o índice permaneceu praticamente estável, com elevação de 0,1%.

Agenda robusta nos EUA. Logo pela manhã será divulgada a inflação ao consumidor de setembro, cuja expectativa é de ligeira aceleração na comparação mensal e anual, assim como para o ganho real médio semanal dos trabalhadores. Com tendência positiva, também saem os dados de vendas no varejo, referente ao último mês, e a prévia da confiança do consumidor em outubro. Não obstante, os investidores devem ficar atentos ao discurso de três representantes do Fed, que votam no comitê de política monetária desse ano, bem como aos desdobramentos geopolíticos da revogação do acordo nuclear com o Irã.

Dia positivo lá fora. Os dados chineses comentados acima favorecem as commodities metálicas nessa sexta e também ajudou a impulsionar os mercados na Ásia. Na Europa, além da balança comercial chinesa, as notícias dando conta de que o QE europeu será mantido, ainda que em um ritmo menor de compra de ativos, até o final do próximo ano, também anima os investidores por lá. Por aqui, sem agenda econômica por conta da emenda de feriado, o humor lá de fora deve ditar o rumo da Bolsa paulista, ainda que algumas notícias corporativas também devem ganhar bastante atenção hoje.
 

 

a
Sexta-feira 13 para o varejo eletrônico brasileiro? (BTOW3, VVAR3, MGLU3) Segundo o Valor, a Amazon americana vai ampliar sua oferta de produtos, hoje restrita a livros, já na próxima quarta-feira. A principio usando o modelo de marketplace. O principal ponto seria aproveitar a Black Friday, que já se tornou um dos principais períodos de compras para o varejo. As ações do Mercado Livre, com forte atuação por aqui, sofreram uma queda de mais de 10% na Nasdaq ontem. As varejistas brasileiras com forte presença on-line também devem ficar bem pressionadas no pregão de hoje.

Publicamos o relatório de análise especial do Grupo Fleury (FLRY3). A companhia realizou o Fleury Investor Day 2017 em sua sede corporativa. A captura dos efeitos da prolongada reestruturação operacional, bem como as estratégias de crescimento em cada marca do grupo foram os destaques do evento. Neste trabalho foram abordados os principais detalhes da reunião anual e nossa visão sobre os ativos FLRY3, confira clicando aqui

Copel (CPLE6) firma contrato para suprimento de Araucária. A elétrica firmou contrato com a Petrobras para suprimento de combustível na usina termelétrica de Araucária. O contrato vai até dezembro de 2018 e prevê o fornecimento de até 2,190 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia. Dessa forma, a usina volta a ficar a disposição do Operador Nacional do Sistema, para ser despachada em caso de restrição na produção hídrica. Os papéis da companhia devem responder de forma positiva à novidade.
 

AGENDA DE DIVIDENDOS
 

Bons negócios.


« Voltar