Menu

Notícias

12/12/2018

Diário Matinal Coinvalores - 12 de dezembro de 2018

Bom dia,

Copom no radar. Em dia de agenda fraca, o mercado fica de olho no comunicado do Copom, que deve manter a Selic inalterada nessa reunião, mas pode dar uma sinalização para o ano que vem, tendo em vista o cenário de inflação mais comportada, mas com o panorama externo muito mais complicado. Além disso, notícias a respeito da cessão onerosa devem movimentar o mercado, que segue de olho também nos primeiros passos do futuro governo Bolsonaro na área econômica.

Dia agitado, mas positivo lá fora. Os mercados internacionais avançam na esteira de notícias positivas em relação às disputas comerciais entre EUA e China. Primeiro sobre a possibilidade da China reduzir tarifas sobre automóveis americanos e depois sobre desdobramentos positivos quanto a prisão da CFO da Huawei no Canadá, agora libertada sob fiança, com Trump declarando que pode intervir na questão se isso for ajudar nas negociações com os chineses. Os dados divulgados na Europa, com a produção industrial acima do esperado, também ajudam o humor do mercado. O dia, no entanto, será tenso para a primeira-ministra britânica, que vai enfrentar uma votação no seu próprio partido, que coloca em risco a sua continuidade na posição. Os futuros americanos apontam para uma abertura positiva após um pregão mais pressionado com a ameaça de Trump de um shutdown do governo americano se não obtiver o apoio dos democratas na liberação de recursos para a construção do muro na fronteira com o México. Na agenda de hoje, o destaque fica para o CPI de novembro nos EUA, cujo núcleo deve acelerar e, apesar de não ser o índice de inflação que o Fed usa para balizar sua meta, deve alimentar discussões sobre a condução da política monetária no próximo ano.


 


Vale (VALE3) anuncia aquisição. Foi assinado acordo para aquisição da New Steel, empresa que desenvolve tecnologias inovadoras de beneficiamento de minério de ferro e possui patentes de processos de concentração a seco em 56 países. O negócio de US$ 500 milhões está alinhado com a estratégia da mineradora de produzir finos de minério de alta qualidade. Cabe destacar que a operação está sujeita a aprovações regulatórias e a expectativa é que seja concluída em 2019. Suas ações devem responder de forma positiva à novidade.

Alpargatas (ALPA4) faz parceria para criar a Alpargatas India. A companhia anunciou uma joint venture com a indiana Shoezone Lifestyle para desenvolver o negócio de sandálias Havaianas na Índia, com a criação da Alpargatas India. A Alpargatas controlará 51% da JV, enquanto a Shoezone terá 49%. Esse movimento reforça a estratégia de crescimento internacional com a marca Havaianas.

Hapvida (HAPV3) anuncia JCP. O valor líquido é de R$ 0,1567 por ação e terão direito ao JCP todos os acionistas detentores de ações ao final desta quinta-feira, ex no dia 14, com o pagamento sendo no dia 30 de abril de 2019. O yield desta operação é de 0,55%.

RD (RADL3) aprova pagamento de JCP. A companhia irá distribuir R$ 0,1445 por ação, valor já líquido de IR. O pagamento está agendado para o dia 31 de maio de 2019 e a data ex é dia 17, próxima segunda. O yield desta operação é de 0,23%. 

Bons negócios!!

 


« Voltar